Emiliano Ribeiro INDO por Dentro

Uma das coisas mais iradas de se trabalhar num projeto como o Pampa Barrels, sem dúvidas, é descobrir novos freesurfers gaúchos a cada swell que bomba em alguma parte do planeta!

Conhecer caras que surfam pelo simples prazer de surfar, geralmente focados no que realmente importa nessa vida – entubar o mais fundo possível, é algo realmente inspirador.

Abaixo, vocês conferem um tubasso protagonizado pelo freesurfer portoalegrense Emiliano Ribeiro durante sua última passagem pela Indonésia. O pico foi a desafiadora bancada de Greenbush – Mentawai, e o cinegrafista que registrou a ação foi nosso brother e mago das lentes Harleyson Almeida.

Saiba o que o Emiliano disse sobre a trip!

Foi a minha terceira vez na Indonésia, segunda vez nas Ilhas Mentawai. Dessa vez fui com o objetivo de surfar Greenbush, pois na primeira vez não rolou ir pra lá. Estranhamente não teve vento do quadrante Norte em nenhum dos dias, então não deu pra surfarmos as direitas clássicas como Rifles e Lances Right, mas mesmo assim a vibe do barco não poderia ser melhor, pois estavam meus melhores amigos comigo, além da tripulação, do Felipe que sabe sempre a melhor condição pra cada um dos picos e do Harley, que eu conheço a muito tempo e é uma pessoa que te coloca muito pra cima nos dias em que o mar te testa até o limite. Lembro que eu estava no mar em Greenbush há uns 10 minutos. Entrou um double up bizarro, e a próxima imagem que eu tenho é de estar dentro de um tubo muito cilíndrico. Acho que eu estava tão concentrado que não lembro de remar e dropar a onda. Como se não bastasse toda a adrenalina, no final a onda chega numa parte da bancada onde ela faz uma curva, que olhando de dentro do tubo parece impossível de sair. Ainda não sei como eu consegui, mas a melhor recompensa foi ter feito o tubo e ouvir meus amigos gritando e comemorando comigo do barco. Olhei pro Harley, que estava no barquinho fazendo as fotos, e ele me disse: calma primão, ta tudo aqui [na câmera], volta lá e pega mais. O resto do dia rendeu ótimas risadas e alguns caldos pra ficar na memória. E isso era só o terceiro dia de viagem! Depois ainda surfamos Macaronis clássico, No Kandui com direito a aula do Bruno Santos e vários outros picos…”

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s